Artigo original

O pior de tudo seria uma saída sem acordo no próximo dia 29 de março, afirma o ministro Augusto Santos Silva.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.