Artigo original

Proposta previa a legalização do direito à interrupção até às 14 semanas de gravidez.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.