Artigo original

 

É a segunda baixa na Casa Branca numa semana.

Gary Cohn, considerado o principal assessor económico do Presidente norte-americano, pediu para deixar o cargo. A demissão foi confirmada pela Casa Branca, que não apontou qualquer motivo para a saída.

Sabe-se, contudo, que Cohn é contra o plano de Donald Trump para aumentar as tarifas sobre as importações de aço e alumínio. A medida foi anunciada na semana passada e a intenção é taxar essas importações em 25% e 10%, respetivamente.

“Foi uma honra servir meu país e promulgar políticas económicas pró-crescimento para beneficiar o povo americano”, afirma o agora ex-conselheiro em comunicado divulgado na terça-feira.

“Estou agradecido ao Presidente por me ter dado esta oportunidade e desejo-lhe [a si] e à administração o maior dos sucessos no futuro”, concluiu.

Banqueiro de profissão, Gary Cohn ocupou cargos importantes no banco de investimentos Goldman Sachs e em Wall Street.

Ao jornal “New York Times”, Trump admite que Gary foi o seu “principal conselheiro económico e fez um trabalho soberbo em dirigir a nossa agenda, ajudando a aplicar taxas históricas e reformas para fazer arrancar, novamente, a economia Americana”.

“É um talento raro e quero agradecer-lhe pelo serviço prestado aos norte-americanos”, prossegue.

A saída de Gary Cohn é a segunda baixa na administração de Trump, numa só semana. No dia 28 de fevereiro, foi Hope Hicks que pediu para deixar o cargo de diretora de comunicação da Casa Branca. A renúncia ocorreu dias depois Hicks ter sido interrogada durante nove horas por uma comissão parlamentar que está a investigar a alegada interferência russa nas eleições presidenciais de 2016.

Na calha para sair poderá ainda estar o genro de Donald Trump, Jared Kushner, que está a ser investigado pelo FBI por alegadas ligações à Rússia e envolvido em várias situações de conflitos de interesse que o podem impedir de continuar a ser conselheiro do Presidente.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.