Artigo original

Informação foi avançada à Lusa pelo advogado Garcia Pereira, que representa os enfermeiros do Sindepor na contestação.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.