Artigo original

Decisão da Daimler AG surge depois de uma reunião com a chancelaria de Angela Merkel, por causa da alegada manipulação de emissões em alguns modelos movidos a diesel. Não se sabe quantos destes veículos estão registados em Portugal.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.