Artigo original

Em causa as declarações de José Mendes a defender o perdão de quatro milhões de euros em multas às plataformas electrónicas de serviço de transporte Uber e Cabify.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.