Artigo original

Em junho de 2008, as principais estradas portuguesas ficaram bloqueadas por centenas de pesados de mercadorias. Faltou quase tudo, dos postos de abastecimento de combustível às prateleiras dos supermercados

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.