Artigo original

O Parlamento britânico considera que o Facebook tem tentado evitar a resposta a questões pertinentes e avançou para a apreensão de documentos da empresa.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.