Artigo original

No princípio do mês, o ministro da Educação anunciou a aprovação em Conselho de Ministros do decreto-lei para contabilizar dois anos, nove meses e 18 dias para a progressão da carreira dos professores. Heloísa Apolónia avisa Costa: “Esta luta vai continuar”.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.