Artigo original

Esqueça as pesquisas no Google; esqueça os posts do Facebook e os 280 carateres do Twitter; esqueça os achados no Aliexpress e no OLX ou mesmo os golos fantásticos d’ A Bola e do Record; esqueça os amigos do Whatsapp e as contas para pagar no site da Caixa Geral de Depósitos ou no Portal das Finanças; esqueça os lances mais espetaculares do Twitch ou as estreias ilegais no Mrpiracy. Esqueça, simplesmente. O site em que os portugueses passam mais tempo chama-se Xvideos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.