Artigo original

A questão fundamental é outra e não vejo ninguém a perguntá-la: saber se alguém que foi nomeado e tem uma relação familiar (e já agora outra qualquer relação relevante) apenas o foi pela relação, ou tem competência para o exercício daquele cargo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.