Artigo original

A Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) decidiu, no âmbito do processo aberto após 292 queixas sobre o programa “SuperNanny”, emitido pela SIC em janeiro, recomendar àquela estação televisiva que preserve a intimidade das crianças em futuros programas. De acordo com a informação agora publicada na página do regulador, tendo em conta as deliberações adotadas em maio passado, uma das decisões foi a “recomendação à SIC, no seguimento do procedimento aberto pela ERC a propósito do programa “SuperNanny”, que em futuros programas envolvendo a representação de menores, ao obter o consentimento parental ou tutelar para a participação de menores […]

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.