Artigo original

Um empregado do setor das tecnologias em São Francisco revelou que há utilizadores a monitorizar o batimento cardíaco através de pulseiras Fitbit para se drogarem e evitarem overdoses.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor escreva algo no seu comentário.
Por favor insira o seu nome aqui.